Raios solares oferecem benefícios à saúde, mas podem ser prejudiciais quando não há proteção completa da pele -


Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, o uso do protetor solar deve ser diário mesmo em dias sem sol

Muito se fala da importância da hidratação e do uso diário do filtro solar, porém ainda são poucos os que seguem as orientações no cuidado com a pele. Embora a radiação solar proporcione a formação da vitamina D – muito importante para os ossos –, ela pode ser danosa quando há exposição ao sol excessiva ou sem nenhuma barreira protetora, e medidas simples podem evitar o envelhecimento precoce.

Quando o cuidado é diário, os benefícios são inúmeros e podem ser visivelmente identificados. Segundo a Dra. Flávia Addor, dermatologista titulada pela sociedade brasileira de dermatologia, “a fotoproteção auxilia na prevenção ao envelhecimento precoce, ao ressecamento e a oleosidade excessivas, além de prevenir manchas e até mesmo o câncer da pele. O retoque a cada duas horas é essencial, quando houver exposição solar direta. É fundamental não se esquecer de proteger também o corpo, além do rosto e de outros locais específicos que estão em contato constante com o sol, como as mãos, o colo e os braços.”


Mesmo que ocorra a diminuição da incidência dos raios UVB e UVA nos dias mais frios, eles continuam penetrando na pele, podendo causar problemas como lesões, envelhecimento, perda da elasticidade, manchas e rugas finas. Além disso, a proteção solar deve ser feita mesmo para quem passa a maior parte do dia em ambiente fechado. Segundo a Dra. Flávia, “a incidência de raios UVA e UVB no inverno e em dias nublados são menores do que num dia ensolarado, mas ainda estão presentes; já na neve, a reflexão dos raios solares aumenta muito o risco de queimaduras.

A escolha correta do hidratante e do filtro solar também faz diferença. Para cada tipo de pele, existe uma indicação. A seca ou desidratada requer filtros solares com ação hidratante. Já as mulheres jovens, com pele mista ou oleosa, podem usar fotoprotetores que hidratem e controlem a oleosidade. Para as mais maduras e sensíveis, existem produtos solares com alto poder de hidratação e proteção.

E muitas das opções disponíveis no mercado são multifuncionais, ou seja, oferecem alta proteção contra os raios UVA e UVB, resistência à água e ao suor, fácil aderência na pele devido ao seu desempenho cosmético, melhorando a hidratação e prevenindo o fotoenvelhecimento. “A escolha do produto mais indicado é muito importante, mas para potencializar a proteção é preciso reaplicar o filtro solar a cada duas horas na exposição direta e evitar o sol entre dez da manhã e quatro da tarde”, completa a especialista.

Sobre a Libbs Farmacêutica

A Libbs é uma indústria farmacêutica brasileira 100% nacional, que está no mercado há 60 anos e conta com cerca de 2.400 colaboradores. Atualmente, ocupa o 8º lugar no ranking de laboratórios do varejo farmacêutico nacional. A companhia investe 10% de seu faturamento entre P&D e inovação e comercializa cerca de 90 marcas em mais de 200 apresentações de medicamentos, distribuídos nas seguintes especialidades: cardiovascular, ginecologia, oncologia, dermatologia, respiratória, transplantes e sistema nervoso central.

Foi a primeira indústria farmacêutica a implantar o Sistema Nacional de Controle de Medicamentos (rastreabilidade). Recentemente, inaugurou sua unidade de Biotecnologia, responsável pela produção de medicamentos biológicos indicados para tratar câncer e doenças autoimunes, com tecnologia single-use (produção que utiliza biorreatores com bolsas descartáveis). Por entender que tratar da vida vai além de fabricar medicamentos, a empresa também realiza um trabalho de responsabilidade social corporativa com o apoio a projetos educacionais, culturais e esportivos com foco em saúde, educação e qualidade de vida, sempre vinculados à superação de limitações. O seu propósito é contribuir para que as pessoas alcancem uma vida plena e sua aspiração é ser a farmacêutica brasileira mais admirada do mundo.

Leia mais: http://site.abcfarma.org.br/raios-solares-oferecem-beneficios-a-saude-mas-podem-ser-prejudiciais-quando-nao-ha-protecao-completa-da-pele/


Leia Também:

Anterior:

Próxima: