CPFL Energia conquista Prêmio Eco Brasil, da Amcham/Estadão, com três projetos -


CPFL Energia conquista Prêmio Eco Brasil, da Amcham/Estadão, com três projetos
Grupo foi premiado pelos cases Arborização + Segura, CPFL nas Escolas e pelo Living Lab (laboratório vivo) de tecnologias de cidades inteligentes em Campinas

Campinas, 22 de fevereiro de 2019 – A CPFL Energia, um dos maiores grupos privados do setor elétrico, conquistou três troféus no Prêmio Eco Brasil, organizado pelo jornal O Estado de S. Paulo e pela Câmara Americana de Comércio no Brasil (Amcham) para reconhecer as empresas que adotam as melhores práticas para o desenvolvimento empresarial sustentável no Brasil. A cerimônia de entrega dos prêmios ocorreu ontem à noite, dia 21, em evento realizado em São Paulo. 


Os cases premiados, na categoria Processos entre grandes empresas, foram os projetos Arborização + Segura, CPFL nas Escolas e Living Lab em Campinas para o teste de tecnologias sobre cidades inteligentes. A primeira iniciativa se refere uma parceria firmada entre as distribuidoras do Grupo CPFL e Prefeituras de sua área de concessão para o plantio de espécies de árvores mais adequadas ao convívio com as redes elétricas, reduzindo o risco à segurança da população e melhorando os índices de qualidade do serviço. Este projeto já foi implementado em 30 municípios.  

Já o projeto CPFL nas Escolas é uma ação do Programa de Eficiência Energética (PEE), financiado com recursos da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que tem como objetivo ensinar as crianças, de maneira lúdica e divertida, sobre como utilizar a energia de maneira inteligente e consciente. O projeto implementado na CPFL Piratininga envolveu 1.015 professores e 35.175 alunos na aplicação de ações educativas por meio de materiais didáticos diferenciados, envolvendo arte, eficiência, cultura, conhecimento, experimentos e interatividade.

Já o terceiro case premiado transformou a região de Barão Geraldo, bairro de Campinas conhecido por abrigar alguns dos principais institutos de pesquisa e universidades do País, como a Unicamp, em um “laboratório vivo”. Ali, o Grupo vem estudando soluções e tecnologias que visam endereçar os principais desafios das cidades, como mobilidade elétrica, medidores inteligentes, geração solar distribuída e armazenamento de energia, além de transformar o campus da Unicamp em um “Campus Sustentável”.

“Ter os nossos projetos reconhecidos por esta premiação é uma confirmação de que a Sustentabilidade está efetivamente integrada na tomada de decisão do Grupo CPFL e mostra que a Companhia tem se preparado para as transformações do setor elétrico, construindo uma visão de longo prazo voltada para a economia de baixo carbono”, diz o diretor de Relações Institucionais e Sustentabilidade da CPFL Energia, Rodolfo Sirol. 

Na cerimônia, o Grupo CPFL esteve representado por Sirol, pelo Diretor Adjunto, Tang Jianchen, pelo gerente de Sustentabilidade, Rafaele Lebani, pelo gerente de Inovação, Renato Povia Silva, pelo gerente de Eficiência Energética, Felipe Henrique Zaia, e demais colaboradores do Grupo. 

Sobre a CPFL Energia 

A CPFL Energia, há 106 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização e serviços. Desde janeiro de 2017, o Grupo faz parte da State Grid, estatal chinesa que é a segunda maior organização empresarial do mundo e a maior companhia de energia elétrica, atendendo 88% do território chinês e com operações na Itália, Austrália, Portugal, Filipinas e Hong Kong.  

Com 14,3% de participação, a CPFL Energia é líder no mercado de distribuição, totalizando mais de 9,1 milhões de clientes em 679 cidades, entre os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná. Na comercialização, é uma das líderes no mercado livre, com participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais. É líder na comercialização de energia incentivada para clientes livres entre as comercializadoras. 

Na geração, é a terceira maior agente privada do País, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis, como grandes hidrelétricas, usinas eólicas, térmicas a biomassa, Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) e usina solar. Considerando a participação acionária na CPFL Renováveis, maior empresa de geração da América Latina a partir de fontes alternativas de energia, a capacidade instalada do Grupo CPFL alcançou 3.283 MW, no final do terceiro trimestre de 2018. 

A CPFL Energia possui ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros, por meio do Instituto CPFL.

Fonte: Assessoria de Imprensa CPFL Energia
Autor: Redação
Revisão e edição: de responsabilidade da fonte
Autor da foto: Divulgação


Leia Também:

Anterior:

Próxima: