Auditores-fiscais apresentam resultados positivos de arrecadação em Porto Alegre -


Com recordes em arrecadação, auditores-fiscais ocuparam à Tribuna Popular na primeira sessão da Câmara Municipal de Porto Alegre

A Associação dos Auditores-Fiscais da Receita Municipal de Porto Alegre (AIAMU) trouxe à tribuna popular os expressivos resultados obtidos na arrecadação própria em 2018.

O presidente da entidade, Fernando Ismael Schunck, explicitou as diversas ações realizadas e mostrou os números que proporcionaram o significativo aumento na arrecadação. Em 2018, a arrecadação tributária própria foi superior a R$ 2 bilhões, com crescimento nominal de 9,36% e crescimento real (acima da inflação) de 5,56% em comparação ao ano de 2017. Na cobrança de inadimplentes foi ultrapassada a marca de R$ 200 milhões em um ano. Com isso, o retorno sobre o estoque da dívida tributária alcançou 10,78%, o que mantem Porto Alegre como primeira colocada entre as capitais. As ações são relevantes diante da dificuldade financeira que o município se encontra.


– Fruto do incansável trabalho dos auditores-fiscais, a arrecadação antecipada do IPTU chegou aos R$ 383,6 milhões. A revisão de processos internos e trabalho intenso permitiu uma antecipação extra de R$ 40,5 milhões até 31 de dezembro, o que possibilitou, inclusive, o pagamento em dia dos salários dos servidores municipais – afirmou.

Na cerimônia, que foi aberta pelo prefeito Nelson Marchezan Júnior, os auditores-fiscais tiveram seus serviços reconhecidos pelos parlamentares presentes, que elogiaram a forma didática com que os números lhes foram apresentados. Os vereadores presentes na cerimônia receberam um relatório completo.

A sessão também contou com a participação da diretoria da entidade e auditores-fiscais do município.

Redação: Vítor Figueiró

Coordenação: Marcelo Matusiak


Leia Também:

Anterior:

Próxima: