A TRANSCANADA FOI AUTORIZADA A INICIAR ATIVIDADES ADICIONAIS EM SEU PROJETO DO GASODUTO KEYSTONE XL -


24. jan, 2019

FILE PHOTO - Pipelines carrying steam and oil run at the Suncor Firebag in-situ oil sands operations near Fort McMurray.O Conselho Nacional de Energia (NEB) aprovou o pedido da TransCanada Keystone Pipeline (Keystone) para iniciar o trabalho de construção e limpeza  de inverno no North Spread do seu projeto Keystone XL, que agora satisfez as exigências regulatórias. O início será pela   seção norte da rota do oleoduto, começando em Hardisty, Alberta, conforme indicado na carta do NEB para a empresa. Esta  aprovação do NEB aplica-se apenas a parte norte do projeto. Atividades de compensação em outras áreas, outras atividades de construção e qualquer atividade durante os períodos de atividade restrita para aves migratórias são excluídas dessa aprovação. A construção adicional dos tubos  estaria sujeita à aprovação de outras  conformidades de condições.

Para Lembrar, Em 27 de fevereiro de 2009, a TransCanada Keystone Pipeline GP solicitou ao NEB a construção e operação do Keystone XL Pipeline, um duto de 36 polegadas que transportaria aproximadamente 700.000 barris por dia de petróleo bruto de Alberta para os Estados Unidos. A parte canadense do gasoduto atravessaria 529 quilômetros de Hardisty, Alberta, cruzando a fronteira entre o Canadá e os EUA em Monchy, Saskatchewan. Em 11 de março de 2010, o NEB emitiu um relatório recomendando que o Governador do Conselho aprovasse o Projeto de Oleoduto Keystone XL, sujeito a 22 condições. Em 22 de abril de 2010, o Governador do Conselho determinou que o NEB emitisse um Certificado de Conveniência e Necessidade Pública para o Projeto. A empresa concluiu a construção de tanques de petróleo no Hardisty Terminal, em Alberta, e completou duas travessias de perfuração direcional horizontal do rio Red Deer e do rio South Saskatchewan. O trabalho também está em andamento em várias estações de bombeamento.


Leia mais: https://petronoticias.com.br/archives/123999


Leia Também:

Anterior:

Próxima: