AMAZUL GANHA MAIS IMPORTÂNCIA COM AS NOVAS DIRETRIZES DA POLÍTICA NUCLEAR BRASILEIRA -


12. dez, 2018

121121O Presidente Michel Temer assinou o Decreto  que consolida as diretrizes da Política Nuclear Brasileira e tem por finalidade orientar o planejamento, as ações e as atividades nucleares e radioativas no País, em observância à soberania nacional, com vistas ao desenvolvimento, à proteção da saúde humana e do meio ambiente. A nova legislação visa, entre outros objetivos, garantir o domínio da tecnologia relativo ao ciclo do combustível nuclear, a busca da autonomia tecnológica nacional e o estímulo à sustentabilidade econômica dos projetos do setor, bem como preservar o domínio da tecnologia nuclear. Na nova configuração, a Amazul, presidida pelo Almirante Ney Zanella dos Santos,  terá papel decisivo em empreendimentos como o Reator Multipropósito Brasileiro, para a produção de radiofármacos e aplicações na agropecuária e outras áreas, na capacitação de profissionais para o setor nuclear e na gestão do conhecimento. A empresa poderá participar também de novos empreendimentos, como o Repositório de Rejeitos Radioativos.

A Amazul participou dos grupos técnicos que trataram da elaboração da proposta da Política Nacional de Tecnologia Nuclear (GT-1) e da flexibilização do monopólio da União na produção de radiofármacos (GT-3), cujos trabalhos foram encerrados. A empresa integra os grupos, ainda ativos, criados para dinamizar a aplicação da tecnologia nuclear na agropecuária (GT-7), estabelecer diretrizes e metas para o desenvolvimento do empreendimento Repositório Nacional de Rejeitos Radioativos de Baixo e Médio Nível de Radiação (GT-8) e dinamizar a capacitação de recursos humanos para o setor nuclear (GT-9).


Leia mais: https://petronoticias.com.br/archives/121734


Leia Também:

Anterior:

Próxima: