Ações promocionais garantem visibilidade e empatia para o comércio no Dia da Mulher

A data pode até não representar um grande aumento no volume de vendas nas lojas gaúchas. Porém, o Dia Internacional da Mulher é um momento com potencial para ganhar visibilidade com as consumidoras. Entregar flores, chocolates ou cartões faz com que a mulher se sinta bem e lembre da loja em compras futuras. De acordo com o presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul – FCDL-RS, Vitor Augusto Koch, ações promocionais podem criar empatia entre clientes do sexo feminino com o comércio.

Flores são sugestões de presente– Os lojistas podem apostar em entregar cartões, brindes, oferecer descontos e até dar uma amostra de algum produto. Assim, as consumidoras se sentem acolhidas, ficam com uma boa impressão da loja e guardam o nome para compras em outros momentos. Além disso, a perspectiva da FCDL-RS é que as vendas aumentem 3% neste Dia da Mulher, em comparação com o mesmo período no ano passado. Então, precisamos aproveitar para encantar e fidelizar o cliente – avalia Vitor Augusto Koch.

Na Mahogany, loja de perfumaria e cosméticos, as ações para o Dia da Mulher também visam criar visibilidade com os consumidores.

– Nós sempre realizamos ações nessa data, com a troca da vitrine e enfeite na loja. Além disso, gostamos de entregar kits e amostras de cremes e perfumes para as mulheres. Chamamos a atenção das consumidoras para nossos produtos e sempre percebemos alguém que volta para comprar alguma coisa. Queremos fazer com que elas se sintam bem – afirma a vendedora da Mahogany, Natália Torres.

Um dos aspectos percebidos no comércio é que as compras para o Dia da Mulher geralmente são feitos na própria data, em 8 de março.

– Percebemos um bom volume de vendas no Dia da Mulher. Maridos, irmãos, namorados, filhos e até outras mulheres gostam de levar alguma lembracinha. Muitas pessoas nem se lembram da data, mas chegam no trabalho ou na escola e alguém comenta. Aí passa aqui e leva um mimo para casa. Na Cacau Show estamos preparando tags e kits especiais da data – relata a gerente da loja de chocolates Cacau Show do Bourbon Wallig, Franciele Machado.

Na loja de roupas Tithãs, a ação promocional propõe descontos especiais para a data. A intenção, de acordo com a vendedora Gisele Teixeira, é atrair as consumidoras até a loja e fidelizar o cliente para outras datas comemorativas, como o Dia das Mães.

Dados sobre a mulher no mercado de trabalho

Acompanhe dados trabalhados pela FCDL-RS sobre a colocação da mulher no mercado de trabalho:

– As mulheres são maioria no Rio Grande do Sul, pois cerca de 51,66% da população gaúcha é do sexo feminino. Os dados mostram pessoas com 18 anos ou mais. Dos trabalhadores gaúchos que estão ocupados, 45,63% são mulheres e 54,37% são homens.

– No mercado de trabalho, as mulheres recebem 16,77% menos que os homens.

– Em algumas profissões, as mulheres são a maioria

dos trabalhadores, como advogados, procuradores, tabeliães e afins (53,05%); cientistas sociais, psicólogos e afins (85,23%); diretores e gerentes em empresa de serviços de saúde, de educação ou serviços culturais (66,96%); joalheiros e ourives (52,73%).

– Em outros segmentos, as mulheres cresceram nos últimos anos, mas seguem atrás dos homens na quantidade de profissionais: medicina (46,91%); físicos e químicos (47,40%); gerentes de produção e operações (39,92%).

Confira a pesquisa completa em http://www.fcdl-rs.com.br/index.php/comunicacao/pesquisas




Leia Também:
Anterior:

Próxima:
banner
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Publicidade